quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Dia Nacional do Fusca - DNF 2016 - Curitiba

Tradicionalmente um dos eventos mais esperado do calendário automotivo o DNF 2016 foi realizado no ultimo domingo no estacionamento da Escola Técnica Tupy - Unisociesc as margens da linha verde em Curitiba, a organização do evento é do grupo California Look.

Fotos: Robson Estevan Fotografía




segunda-feira, 30 de março de 2015

O realidade fusqueira dos dias atuais

Há alguns anos participo do grupo VWFusca do yahoo, o hoje foi compartilhado uma matéria do blog do Cleiton Pinheiro sobre os 9 Motivos para ter um Fusca, após ler e refletir um pouco me venho o questionamento sobre nossa realidade fusqueira atual, sou obrigado a discordar do primeiro motivo o custo beneficio de se ter um fusca, as únicas vantagens que temos é nossa felicidade inexplicável por tê-lo; o conhecimento e experiência que adquirimos, pois acabamos virando mecânicos; e as amizades que acumulamos ao longo do encontros/eventos.

Hoje em dia é muito difícil encontrar fuscas em boas condições com valores abaixo de 10 a 15 mil reais. Ainda vemos alguns de 3 a 4 mil, mas nem se gastar mais 50 ficara 100% novamente, fora que a manutenção é extremamente cara, sai mais caro fazer um motor a ar que um AP por exemplo. Também está ficando cada vez mais difícil encontrar mão de obra qualificada, pois ninguém mais quer mexer com fusca, tenho visto orçamentos de restauração de fuscas na faixa de 40 mil reais, para carros digamos mais comuns como da década de 70 e 80, se for mais antigo então, os valores são incalculáveis. Fusca virou artigo de colecionador, está cada vez menos acessível a população comum.

De certa forma é bom que nossos fuscas acabaram se tornando mais valorizados e respeitados por sua sua bagagem histórica, mas infelizmente o lado negativo é que futuramente estará diminuindo o numero de entusiastas do besouro, pois esta supervalorização esta tornando cada vez mais difícil o “recrutamento” de novos fusqueiros. Na época que iniciei nesta cultura o fusca era o único carro que eu podia ter, pois seu baixo valor era o que meu dinheiro podia pagar e manter. Sem duvida muitas vezes sonhei em ter um carro mais novo e mais atual da época, pois meus “amigos” faziam chacotas pelo fato de eu andar de fusca, sendo que a maioria deles não tinha carro algum, mas para ser“popular” tinha que ter um Pointer, Golf, Vectra... entre outros. 

Com o tempo, a ferrugem e gasolina do fusca entrou no meu sangue fiquei cada vez mais interessado em saber sua história e mantê-lo o mais conservado possível, comecei a ir nos encontros, fiz novas amizades, e encontrei amigos que realmente gostavam de fusca com eu, me senti parte de algo maior, querendo ou não agora eu contribua para sua história também.

Infelizmente hoje vejo jovens falando, “por que vou pagar 10 mil num fusca velho, se posso comprar um golzinho quadrado por 7”. Não vemos mais tantos fuscas rodando pelas ruas, os valores estão inflacionados pelos atravessadores/picaretas de carros antigos, quem caçam carros antigos no interior e trazem para a cidade anunciando por 4 ou 5 vezes mais o valor que foi pago.
No momento temos a ilusão de que não mudou muito, pois por enquanto é “modinha” ter fusca. Vemos nos eventos pessoas que não valorizam e prezam pela integridade de seus carros. A onda do momento é fazer o “rasgo top” no teto, meter a lixadeira na lataria e arrastar no chão até o assoalho desmanchar. Nada contra que faz, pois cada dono sabe o que faz com seu veículo. 


Muitos pegam carros condenados que iam ser derretidos e virar prego em alguma siderúrgica, mas já vi carros que pertenceram desde zero a um único dono, que estavam prontos para uma merecida Placa Preta, e o neto que herdou e que nunca se interessou por fusca, cortou o teto e fez o fusca lamber o chão. Eu particularmente gosto de fusca personalizados, mas que mantenham suas características originais, apenas com modificações reversíveis, como rodas e motor por exemplo. Mas o cenário é preocupante, diante disto meu principal questionamento é, qual será o futuro do fusca e do fusqueiro atual? 


segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Dia Nacional do Fusca - DNF 2015 - Curitiba - Fotos Parte 2

Parte 2




9º Dia Nacional do Fusca Curitiba

No ultimo domingo dia 25/01 ocorreu a 9ª edição do Dia Nacional do Fusca Curitiba realizado pelo grupo Califórnia Look no pátio da Faculdade SOCIESC. O evento que é um dos mais importantes do calendário nacional teve a participação de cerca 1500 carros e contou com um publico de aproximadamente 10 mil pessoas entre visitantes e expositores.